domingo, 18 de janeiro de 2009

Flores do Campo... Pitacos da Neli...


foto da net

Quantas flores

neste campo sem fim...

laranja, amarelo, marfim

sem um pingo de nanquim!

Tal qual aquarela de encanto,

vejo um céu de azul e branco;

As árvores de muito verde,

no horizonte a perder-se...

E neste instante,

Eu louvo a Deus,

Que tudo isto criou,

Para alegrar os seus!


Neli, obrigada pelos seus pitacos, e que pitacos!!! E obrigada pela sua aula... bjs, minha amiga!!!
Quem quiser conferir o poemeto original, vá lá no dia 12/09/08...

20 comentários:

Renato de Oliveira disse...

Olá Carmen,

Magnifico quadro que nos apresenta. Vamos lá aonde?

Beijinho,

Renato

Viviana disse...

Querida Carmen,

Belíssimas flores, e belíssimo poema!

Mas por favor diga-me:

O que são pitacos?

O que é nanquim?

Confesso que não conheço estes termos na língua portuguesa.

Uma boa noite para si, amiga do coração.

Um beijo

viviana

carmen disse...

Renato, esta imagem eu peguei na Net... sabe-se lá de onde é... só Deus sabe... rsrsrs

Vá lá no meu site, que eu tenho uma surpresa para você!
bjs

carmen disse...

Viviana,
Eu postei uma tentativa de poema em 12 de Setembro do ano passado, e lá pedi para a Neli dar um pitaco, termo que eu também não conhecia; só conheci na Blogosfera, através da Neli.

Quer dizer palpite, creio eu...

Nanquim é uma tinta preta, que é usada para escrever letras em japonês, por exemplo, com uma caneta especial... Serve também para fazer quadroa em branco e preto, com esta caneta, muito usado em gravuras feitas em papel vegetal... Algo assim...
Se persistir a dúvida, me fale que eu explico de uma outra forma...

Vá lá no meu site ver o pitaco, enorme, que o Renato deu à minha crônica (esta última)
bjs

Pelos caminhos da vida. disse...

Lindo!

Boa Noite Carmem.

beijooo.

Renato de Oliveira disse...

Olá Carminha,

Você disse à Viviana para ir ver o pitaco (palpite) que eu dei na sua crónica!
Mas não foi palpite, foi real!

Beijinho,

Renato

carmen disse...

Renato, eu sei...

Ali, você "meteu a colher", diremos assim, e roubou a cena...rs

Se não roubou a cena, pelo menos dividiu!!!

bjs

carmen disse...

Ana, esta poesia é da Neli...
bjs

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Carmem!Lindo poema!!!Lindo mesmo!!

...e Deus nos colocou diante de toda esta beleza e existem pessoas que sequer a notam!

beijos floridos,Sonia Regina.

neli araujo disse...

Carminha querida,

Vim te agradecer por ter colocado o poema no blog...ele era só pra você comparar, porque havia me pedido uns pitacos, linda!

"pitaco" no Wikcionário:

1 -Palpite nem sempre fidedigno.
2 -Intromissão em conversa alheia.
3 -Coisa de palpiteiros e intrometidos.


Ana, as palavras do poema SÃO da Carminha! eu só troquei a maquiagem, hehehe

Vivi, "Nanquim" é o mesmo que "tinta da China" para os portugueses. (google)

Carminha, you are too sweet, babe!

beijinho carinhoso,
Neli

Anita disse...

Pessoas especiais como tu, têm em si a essência da amizade, para perfumar o mundo com amor verdadeiro.
Pessoas especiais são como anjos, com dedos de condão, para tocar com magia o semblante dos que amam.
Pessoas especiais são dádivas de Deus, para abençoar os caminhos daqueles que cruzarem o teu caminho.

Uma semana cheia de bênçãos.
Beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)

carmen disse...

Sonia Regina:

Gostei dos seus beijos floridos, e perfumados...rsrsrs

Esta foto realmente me inspirou a louvar a Deus pelas suas maravilhas!!!

Só Deus para criar esta beleza ímpar!!!

bjs

carmen disse...

Neli,
nossa consultora em poesia e em vocábulos (arrasei, hein?)

Tinta da china... escrevi tanto e era "só" isto... perfeito.

Quanto aos pitacos, neli, cocê esclareceu muito bem, pois eu creio que usei este termo para o Renato, no sentido que você colocou em terceiro lugar (palpiteiros)... mas um palpiteiro no bom sentido, Renato, não no sentido de intrometido...

Ao contrário, creio que você complementou a minha crônica com uma história dentro do tema, veradeira e ótima... por isso que resolvi coloca-la lá, para homenagea-lo e perpetuar, de alguma forma a sua história, já que você (ainda) não tem um Blog...

Bom, havia me esquecido que a Neli cursou a Faculdade de Letras...

bjs, Neli... já me falaram isto aí que você disse em "ingreis", mas vindo de você tem mais "sustança"

Obs: e quem disse que Blog não é cultura...

bjs doces

carmen disse...

Anita,

gosto de dividir o meu espaço com os meus amigos...
Cada um tem seu mérito, e não me custa nada dar o crédito a quem de direito...

Obrigada pelas suas palavras...

Vá lá na minha casa de campo ver o pitaco, contribuição, que o Renato deu à minha crônica:

www.cronicasaoentardecer.com.br

bjs

bete disse...

Somos todos uns "pitaqueiros", isso sim...

Déia Arakaki disse...

Oi querida Carmen ..
Obrigada mais uma vez pela visita em meu blog ..
Nossa ficou otimo o poema das "Flores do Campo".
A imagem em sí ja nos faz viajar...

Parabéns a Voce e aos pitacos da Neli ficou otimoooooooooooo

beijos querida

carmen disse...

Bete,
minha pitaqueira mais querida!!!

Somos, sim, pitaqueiros por vocação, pitaqueiros por opção!!!
rsrsrs

bjs

carmen disse...

Déia, amei a sua poesia para o seu namorado...

Obrigada pela sua visita e pelas suas palavras!!!

bjs

carmen disse...

Renato, agora que eu acordei...

Quando disse para vocês irem lá, é para visitarem o post original meu, que a Neli "deu um jeito"

Este post é do dia 12 de Setembro, com a mesma foto... se quiser ir lá conferir...
bjs

Viviana disse...

Carmen, linda

Obrigada pela explicação.

Já entendi.

Um beijo

viviana