sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Contradição...

Carmen Sílvia Musa Lício
Dentro de mim há uma avalanche de sentimentos contraditórios...

Vontade de ajudar, vontade de sair correndo, ou de passar ao largo, como o fizeram com aquele viajante que foi assaltado no deserto, e que só o bom samaritano se aproximou e o socorreu...

Desejo de fazer algo grande, belo, em favor, não da humanidade (não sou tão megalomaníaca assim!), mas de muitos que me cercam... E a vontade de viver a minha vida sem maiores problemas, sem grandes sacrifícios, vivendo, simplesmente... Afinal, estou me aposentando e sempre vivi em função dos outros...

Então dá para vocês verem o turbilhão de idéias que me assaltam, sem tréguas, tão diversas estre si...

Mas então vem o bom senso, que me diz que eu não suportarei uma vida de mesmice, sem alvos maiores, objetivos a alcançar, sonhos a conquistar!!!

Então, entre a cruz e a caldeirinha, vou tentando me preservar, ajudar aos outros sem me "esbodegar", tentando colocar a minha mente em ordem, sem pressa para resolver, pois o meu objetivo mais imediato é me aposentar, cuidar da minha saúde (o pessoal da Saúde não tem tempo de cuidar da própria!!!), descansar um pouco e depois recomeçar...

6 comentários:

bete disse...

Isso mesmo, Carminha. Vamos à là Jack o Estripador, vamos por partes. Pense primeiro em você, pensar em você é a melhor contribuição que você pode dar ao Reino.

carmen disse...

Bete:

Eu quero me cuidar, sim... Só que não vou conseguir ficar parada, já me conheço...

O que não quer dizer que vou ficar o tempo todo trabalhando, muito menos que não possa aproveitar o tempo para pintar, escrever, ler... coisas que amo

bjs

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Carmen!Em determinada etapa da vida temos que nos lembrar de nós e isso não é pecado...

Recomeçar é uma palavra e tanto,o ato então nem se fala...

Beijos,amiga!Sonia Regina.

carmen disse...

Então, estou me dando uma pausa para retomar... rsrsrs

bjs

Renato de Oliveira disse...

Oi, Carmen!

Se aceita um conselho de amigo, faça tudo que suas ideias lhe dizem para fazer! Mas, faça as coisas, uma de cada vez!Não tente "agarrar" o mundo de uma só vez!

Beijinho,

Renato

carmen disse...

Renato, é por aí mesmo!!!

Terei que ir mais devagar...
bjs