segunda-feira, 23 de março de 2009

Desafio Lúdico II


Por que será que temos tanto medo de nos entregar por inteiro?
Por que colocamos sempre barreiras que impedem um encontro verdadeiro?
Será que não queremos conhecer o gosto do beijo do outro ou será que não queremos que ele conheça o nosso?

Ah, mas desta vez está tão fácil,
ele não está na rua
e eu presa em casa.
Ele está apenas no terraço.
É só abrir o trinco.

Vou tentar!

Talita

Talita publicou em seu blog:
http://euseiemquemtenhocrido.blogspot.com

Não consegui colocar a foto mas depois eu coloco...
Sorry

3 comentários:

Renato de Oliveira disse...

Olá Talita!

Os meus cumprimentos do lado de cá!

Coloca o dedo na ferida com excelente visão e sabedoria!

A questão que expõe é a triste realidade, nua e crua, para muitos!

E afinal "É só abrir o trinco"!

Parabéns e muito prazer em comentar a sua prosa.

Abraço,

Renato

talita disse...

Carmen e Renato

À Carmen peço licença para emprestar o blog e falar com o Renato, pois não consegui achar um outro caminho.

Ao Renato agradeço o comentário à minha prosa. Boa idéia essa da Carmen, que deu a todos nós a possibilidade de nos expressarmos com liberdade sobre um mesmo tema. Essa diversidade é linda!

Um abração aos dois. Renato, cadê seu blog?

Talita

poetaeusou . . . disse...

*
eu quando baixo as defesas,
lembra-me a Biblia e algures
está escrito,
"sê prudente como a serpente"
,
é óbvio, que o Pólo Norte
recái em mim . . .
,
serenas conchinhas te envio,
,
*